Bolsonaro sobre os EUA: 'Sem voto impresso em 2022, vamos ter problema pior'

Bolsonaro sobre os EUA: 'Sem voto impresso em 2022, vamos ter problema pior'
07 janeiro 19:02 2021 Imprimir notícia
Destaque Política

O presidente da República, Jair Bolsonaro, segue defendendo que as eleições dos Estados Unidos em 2020 foram fraudadas, mesmo sem nenhuma prova e após a invasão do do Capitólio por parte de apoiadores do presidente Donald Trump, supremacistas brancos e militantes de extrema-direita, culminando com a morte de 4 pessoas nesta quarta-feira. 

Durante conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada na manhã desta quinta-feira, Bolsonaro foi além e ameaçou: "Se nós não tivermos o voto impresso em 22, uma maneira de auditar o voto, nós vamos ter problema pior que os Estados Unidos", disse.

Bolsonaro foi na contramão de todos os líderes mundiais e não repudiou o motim em Washington. "Eu acompanhei tudo hoje. Você sabe que sou ligado ao Trump. Então, você sabe qual a minha resposta aqui", disse, ainda na quarta-feira. 

No mesmo dia, o presidente voltou ainda a alegar fraudes nas eleições brasileiras de 2018. "Eu tenho indício de fraude na minha eleição, era para ter ganho no primeiro turno", declarou.

Durante visita aos Estados Unidos, em 9 de março do ano passado, Bolsonaro disse que entregaria provas de que as eleições de 2018 foram fraudadas, mas nunca as apresentou.

PORTAL  SBN 

Deixe seu comentário

SIGA-NOS

Rádio Online

Rádio Online

Últimas Notícias

  • Bahia
  • Espírito Santo

Bahia

Espírito Santo

As mais lidas do mês

SIGA-NOS

Rádio Online

Rádio Online

Últimas Notícias

  • Bahia
  • Espírito Santo

Bahia

Espírito Santo

As mais lidas do mês