Integrantes do governo avaliam que Bolsonaro errou ao chamar Moraes de “canalha”

Integrantes do governo avaliam que Bolsonaro errou ao chamar Moraes de “canalha”
08 setembro 08:31 2021 Imprimir notícia
Política

Auxiliares próximos de Jair Bolsonaro também avaliam que o presidente errou o tom do seu discurso no 7 de Setembro, principalmente em São Paulo. Para integrantes do governo, a principal falha de Bolsonaro foi chamar o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes de “canalha”.

Moraes é o responsável pelos inquéritos que correm no STF e que têm Bolsonaro e seus apoiadores como investigados. Até interlocutores que atuaram como bombeiros não acreditam mais nas chances de construir qualquer ponte entre o Palácio do Planalto e o Supremo, em especial com Moraes. As prisões de bolsonaristas às vésperas do 7 de setembro, que pregaram atos antidemocráticos, irritaram ainda mais o presidente e membros do Palácio.

No discurso feito em Brasília na manhã de ontem, Bolsonaro disse que não poderia “continuar aceitando que uma pessoa específica da região dos três Poderes continue barbarizando a nossa população”, referindo-se a Moraes.

– Ou chefe desse poder enquadra o seu ou esse Poder pode sofrer aquilo que não queremos – disse o presidente, ameaçando o chefe do Judiciário, Luiz Fux. Para os auxiliares de Bolsonaro, a fala de Brasília estava “dentro do tom”.

PORTAL SBN | COM INFORMAÇÕES DO O GLOBO

Enquete política: Na sua opinião, caso Bolsonaro e Lula cheguem ao 2º turno, em 2022, quem vence as eleições?

Lula

Bolsonaro

Escreva 904 abaixo
Ver resultados

Deixe seu comentário

SIGA-NOS

Rádio Online

Rádio Online

Últimas Notícias

  • Bahia
  • Espírito Santo

Bahia

Espírito Santo

As mais lidas do mês

SIGA-NOS

Rádio Online

Rádio Online

Últimas Notícias

  • Bahia
  • Espírito Santo

Bahia

Espírito Santo

As mais lidas do mês