Menina de 10 anos terá nova identidade e endereço após realizar aborto

Menina de 10 anos terá nova identidade e endereço após realizar aborto
20 agosto 14:17 2020 Imprimir notícia
Espírito Santo

A família da menina de 10 anos que foi vítima de estupro aceitou participar do Provita-ES, programa de proteção oferecido pelo governo do Espírito Santo.

Com isso, a criança e seus familiares passarão a ter moradia em endereço diferente, ajuda de custo individual e novas identidades fornecidos pelo governo do estado. O programa também oferece cursos de qualificação, ingresso na rede de educação e na rede de saúde e auxílio para que os adultos assistidos ingressem no mercado de trabalho.

Hoje, quem tem a guarda da criança é a avó, porque a mãe morreu e o pai está preso. Elas não retornarão mais à antiga residência. A assistência do governo pode ter duração de até quatro anos. 

A menina de 10 anos realizou um aborto na última segunda-feira (17/08). A vítima relatou que o tio abusava dela desde que tinha 6 anos. O procedimento foi realizado em um hospital em Recife e ela retornou ao seu estado de origem.

PORTAL SBN | COM INFORMAÇÕES DO O GLOBO 

Deixe seu comentário

SIGA-NOS

Rádio Online

Rádio Online

Últimas Notícias

  • Bahia
  • Espírito Santo

Bahia

Espírito Santo

As mais lidas do mês

SIGA-NOS

Rádio Online

Rádio Online

Últimas Notícias

  • Bahia
  • Espírito Santo

Bahia

Espírito Santo

As mais lidas do mês