Saiba quais os riscos de não realizar a manutenção das unhas artificiais, e como se proteger

Saiba quais os riscos de não realizar a manutenção das unhas artificiais, e como se proteger
10 fevereiro 18:41 2021 Imprimir notícia
Estilo de Vida

Hoje em dia está cada vez mais comum a aplicação de unhas artificiais, seja em gel, acrílico, de fibra etc. Sabemos o quanto é prático para as mulheres na correria do dia a dia, porém as pessoas que optarem por estas técnicas precisam ficar atentas a alguns riscos caso não seja feito a manutenção no tempo correto.

Hoje a dica de cuidados foi com a profissional especialista de unhas em acrílico Nádia Aparecida Valfré Bassi do Studio Nádia Valfré, segundo a profissional, a pessoa que optou por colocar unhas deve ter alguns cuidados. Ela explica “Quando construímos uma unha artificial ela esta toda estruturada, conforme vai passando os dias as semanas esta unha vai perdendo a estrutura e caso essa pessoa sofra uma batida ou um trauma a placa ungueal, ou seja, a base da unha verdadeira pode ser danificado e pode até cair.

O correto é cada cliente verificar junto ao profissional qual o tempo mais apropriado para voltar e fazer a manutenção, sendo que cada pessoa tem um crescimento diferente, tem pessoas que com 15 dias a unha já cresceu referente a um mês. Hoje eu falo para minhas clientes que o período da manutenção varia de 3 a 4 semanas, trabalhamos com um período de 21 até 29 dias.”

Se a cliente optar por tirar a unha em casa, Quais os riscos?

“Temos 150 a 180 camadas de queratina na unha, Quando a cliente remove a unha artificial em casa ela vai remover várias dessas camadas juntos, danificando o leito da mesma, por isso a unha fica fraca e para recuperar totalmente pode levar até 6 meses. A orientação que damos para as clientes que queiram remover é para procurar uma profissional, pois cada alongamento possui um jeito mais apropriado para remoção.

Como saber qual a melhor técnica e o melhor tamanho?

“Tudo depende do tamanho da placa ungueal de cada pessoa, por exemplo, uma pessoa que roe unha não é tão adequado ter uma unha muito longa, o ideal para essas pessoas é primeiro fazer uma reconstrução do leito para depois fazer um alongamento. Lembrando que quanto maior a unha menor o prazo de manutenção.”

PORTA SBN | Kellen de Angeli

Deixe seu comentário

SIGA-NOS

Rádio Online

Rádio Online

Últimas Notícias

  • Bahia
  • Espírito Santo

Bahia

Espírito Santo

As mais lidas do mês

SIGA-NOS

Rádio Online

Rádio Online

Últimas Notícias

  • Bahia
  • Espírito Santo

Bahia

Espírito Santo

As mais lidas do mês